Onde est� o Aedes?

nível de
atenção

24/07/2019

Sade atualiza nmeros da dengue na cidade

Dados divulgados pela Secretaria Municipal de Sade nesta quarta-feira, 24, informam que o nmero de pacientes que tiveram confirmao de infeco por vrus da dengue chegou a 440 em Porto Alegre at o final da Semana Epidemiolgica 29 (dados cumulativos, de 30/12/18 a 20/07/19). Do total, 19 so importados e 421 autctones, ou seja, contrados na cidade. Em relao semana anterior, houve um aumento de trs casos autctones.

At a SE 29, houve notificao de 1.091 suspeitas de dengue entre moradores da Capital. Trinta e trs casos continuam em investigao e 618 foram descartados.

Dos 421 casos autctones, 331 foram confirmados no bairro Santa Rosa de Lima (78,6%). Os demais casos esto distribudos em 18 bairros: Bom Jesus, Jardim Lindia, Jardim Floresta, Jardim Carvalho, Sarandi,  Rubem Berta, Mario Quintana, Jardim Leopoldina,  Floresta, Lomba do Pinheiro,   So Sebastio, Cristo Redentor,  Stimo Cu,  Vila Ipiranga,  Jardim So Pedro, Morro Santana, Vila Nova, Partenon. 

Os 19 casos importados tiveram os seguintes locais provveis de infeco: 02 de Fernando de Noronha (PE), 02 de So Paulo (SP), 02 do Rio de Janeiro (RJ), 01 de Palmas (TO), 01 de Belm do Par (PA), 01 de Vitria (ES), 01 de Betim (MG), 01 de So Jos do Rio Preto (SP), 01 de Campinas (SP), 01 de Dourados (MT), 01 de Marechal Cndido Rondon (PR), 01 de Canoas (RS), 01 de Teresina (PI), 01 de Novo Hamburgo (RS), 01 de Joo Pessoa (PB) e 01 de Aracaju (CE).

De acordo com o Boletim Epidemiolgico emitido na tera-feira pela Equipe de Vigilncia de Doenas Transmissveis da SMS, no ano o maior nmero de casos confirmados de dengue foi registrado na semana epidemiolgica 20 (perodo entre 12 e 18 de maio), totalizando 61. No mesmo perodo, tambm foi registrado o maior nmero de notificaes SMS, 127. Entre as SE 13 e 26 (de 24 de maro a 29 de junho), o surto e a transmisso se mantiveram com confirmao de mais de dez casos por SE, excetuando-se a SE 23 (2 a 8 de junho), quando houve confirmao de dengue em nove moradores de Porto Alegre.

Infestao vetorial – A partir da chegada do inverno, o ndice de infestao de mosquitos Aedes aegypti na cidade (vetor de doenas como a dengue) tem diminudo semana a semana. Na SE 29 (14 a 20/7) a condio de infestao na cidade considerada satisfatria de acordo com as vistorias realizadas no perodo nas 1.434 armadilhas do sistema de monitoramento do Aedes mantido pela prefeitura. 

O diretor da Vigilncia em Sade da SMS, Anderson Lima, destaca a importncia de manuteno dos cuidados para eliminar focos de gua parada em quintais, ralos, calhas. “Mesmo com a diminuio da temperatura, ainda foram detectadas fmeas do inseto em armadilhas, o que indica a necessidade de os moradores da cidade manterem as vistorias semanais em seus imveis, nos ambientes externo e interno”. 

Lima lembra que a prefeitura mantm ao longo de todo o ano as vistorias nas armadilhas de monitoramento, gerando semanalmente o mapa de infestao do mosquito, que fica disposio da populao aqui no site.

De acordo com o nmero de fmeas coletadas na armadilha na semana, a armadilha ser colorida no mapa (verde, 0 coleta; amarela, 1 fmea coletada; laranja, 2 fmeas; e vermelha, 3 ou mais fmeas). “Quanto mais armadilhas vermelhas, maior a infestao; quanto mais armadilhas verdes, menor o ndice mdio de infestao de fmeas do Aedes”, resume o gestor.